Gamil Föppel recebe Comenda Dois de Julho

gamil-foppel-namidia-06

Na tarde desta quinta-feira (19), o advogado criminalista, Gamil Föppel El Hirache, recebeu a Comenda Dois de Julho, a mais alta honraria concedida pela Assembleia Legislativa da Bahia (Alba) às personalidades que contribuem para o desenvolvimento social da Bahia. A prospota da homenagem foi dos deputados Nelson Leal (PSL) e pelo então deputado Paulo Azi (DEM).

Em entrevista ao Bahia Prime, Föppel revelou estar honrado com o “título”. “Devo dizer que é uma grande honra, um grande reconhecimento, receber a Comenda Dois de Julho. Principalmente, pelo fato de ser um reconhecimento do Poder Legislativo, que representa o povo da Bahia. Tenho certeza que não é somente de natureza pessoal, mas uma forma de registrar o trabalho exercido em prol do Estado”.

Questionado sobre a Ordem dos Advogados do Brasil – Seção do Estado da Bahia (OAB-BA), que está às vésperas das eleições para escolha do presidente, Föppel, que é considerado um dos principais advogados da Bahia, criticou o tratamento da Ordem com a classe criminalista. “A advocacia criminal há muito tempo foi abandonada pela gestão da OAB”, disparou.

Ainda durante a entrevista, Foppel listou uma série de problemas que os advogados criminalistas enfrentam no Estado. “Se as prerrogativas dos advogados são desrespeitadas, as criminais são ainda mais. Não temos nem mais uma sala de apoio na Superintendência da Polícia Federal, porque a gestão, em seu primeiro ato de 2015, decidiu devolver a sala. Nós, advogados criminalistas, não tínhamos, até pouco tempo, nem direito a vagas de estacionamento no Fórum. Agora, temos apenas duas, que é visto para gestão da OAB como uma grande avanço. Para ter acesso a autos, precisamos requerer com 72 horas de antecedência, além de muitas outras dificuldades”, enfatizou.

Para finalizar, o criminalista descreveu a atual situação da categoria e afirmou que a OAB precisa de renovação.”É um quadro de total abandono por parte da instituição com os advogados criminalistas. É necessário renovar”.

Gamil  Foppel El Hirache é conhecido no meio jurídico como um dos mais notáveis e brilhantes advogados do estado. Filho de Luzia Maria Pimentel Foppel e Gamil Joseph Hanna El Hireche, ele nasceu em Salvador, no dia 24 de setembro de 1978. É casado com Roberta Bárbara Carneiro Foppel EL Hireche, com quem tem dois filhos: Valentina Carneiro Foppel El Hireche e Gamil Foppel El Hireche júnior. Sua carreira de advogado militante e professor começou oficialmente em 2002, logo após se formar na Ufba. Em 2005, surgiu a necessidade de montar seu próprio escritório com estrutura voltada para atuação em matéria exclusivamente criminal empresarial.